O Bichanos do Porto é um projecto de um grupo de amigas com uma paixão comum: gatos. Lidamos constantemente com situações de abandono e maus tratos e não conseguimos ignorar esta triste realidade. Como não somos associação nem temos espaço próprio, os gatinhos que recolhemos são acomodados nas nossas próprias casas. Por isso, tudo o que fazemos é fruto de esforços pessoais, a todos os níveis, bem como da boa vontade de todos aqueles que, de uma forma ou de outra, vão colaborando com esta causa.

21/03/11

Mais de 30 gatos a precisarem de ajuda

Recebemos um apelo acerca de uma senhora idosa, sozinha e em zona rural, que alimenta mais de 30 gatos. E chamaram-nos a atenção para o caso de um dos gatos com prolapso do intestino há mais de 1 mês.

Fomos ao local no sábado e deparamo-nos com uma casa rural, rodeada de campos, local muito aprazível para uma colónia de gatos, SE estivessem esterilizados, tratados e bem alimentados. E não estão :-(((

A Dª Alice tem 72 anos, problemas de saúde, vive " de favor" numa casa rural e alimenta como pode (mal...com rabos de bacalhau, arroz e alguma ração muito má) estes gatos todos e ainda um cachorro (preso) "para dar sinal". Todos os gatos são silvestres, excepto uma gata velhinha, que é a única que se deixa tocar

Deparamo-nos com gatos por todos os lados...contamos 7 fêmeas prenhas, 1 fêmea em nitido cio, 1 macho com pata partida, alguns machos, para além de vários que não conseguimos verificar o sexo

Gata Preta prenhaGata prenha

2 machos à volta de femea com cio

Macho tabby

Vimos logo o gato com prolapso e, apesar de ser fim de semana e, como tal, ser dificil colocá-lo num vet, resolvemos tentar capturá-lo...e conseguimos. E apanhamos mais uma femea.

Depois de deixarmos alguma ração para a senhora fazer frente aos próximos dias, e com a promessa de lá voltarmos para começar as capturas, fomos para o vet. com os dois apanhados.
A gata do prolapso foi operada nesse mesmo dia à noite. Estava muito fraca, GRÁVIDA (imaginem esta gata parir naquele estado), cheia de carraças e pulgas. A vet. colocou e coseu o intestino e esterilizou-a. A cirurgia correu muito bem :-))), já está a comer muito bem, mas continua a soro, para recuperar melhor (vet. disse que eles têm falta de proteínas).A outra, igualmente femea, também já foi esterilizada.

Apesar de preço muito, muito "amigo", as despesas destas 2 cirurgias ascendem a 120 €. E ainda a procissão vai no adro.
Precisamos muito de ajuda financeira. Prevemos uma despesa minima de 700 €, para esterilizar a colónia toda. Isto, não contando com problemas que nos vão aparecer de certeza.
Quem puder e quiser auxiliar-nos nesta grande tarefa, pode ser madrinha de esterilização de 1 femea (30 €), 1 macho (15 €) ou então ajudar com 1 € que seja, para podermos avançar com as capturas.
O NIB é o do costume - 0033 0000 0000173093210, agradecemos que nos mandem mail, a referir "colónia da bulha".
Mesmo sem fundos disponíveis ainda, não podemos esperar e vamos tentar capturar pelo menos as femeas prenhas, já na próxima 4ª feira. Caso contrário, daqui a 2 meses teremos 60 gatos, em vez dos 30 actuais.
Ajude-nos a ajudar estes gatos a poderem ser (mais) felizes e saudáveis.
Obrigada!

7 comentários:

Marcelina Gama disse...

Já mandei uma ajudazinha.
Para o próximo mês vai mais qualquer coisinha.

Bj,
Gaudi, Orange e Caxemira.

alex disse...

Também acabei de fazer uma pequenina contribuição.
Força!

susana regina disse...

Muito, muito obrigada a ambas :-))

Célia disse...

Já fiz um pequeno donativo!

Marcelina Gama disse...

E como está esta situação? Conseguiram ajudar?

Tina disse...

Olá, li esta História e fiquei muito sensibilizada,é bom que ainda existam pessoas que se preocupam com estas causas, os animais são uma coisa muito preciosa que nos dão muita atenção, por isso amanha msm vou ajudar. E se deus quiser vou buscar a minha menina que vou adoptar através da D. Fátima. Já tinha andado a pesquisar associaçoes para ajudar gatos desfavorecidos, e então faço questão de ajudar esta, visto que se trata do amor de 7 grandes mulheres que se juntaram para uma grande causa...

Anónimo disse...

O vosso empenho e dedicação são espectaculares - muitos Parabéns!