O Bichanos do Porto é um projecto de um grupo de amigas com uma paixão comum: gatos. Lidamos constantemente com situações de abandono e maus tratos e não conseguimos ignorar esta triste realidade. Como não somos associação nem temos espaço próprio, os gatinhos que recolhemos são acomodados nas nossas próprias casas. Por isso, tudo o que fazemos é fruto de esforços pessoais, a todos os níveis, bem como da boa vontade de todos aqueles que, de uma forma ou de outra, vão colaborando com esta causa.

22/10/07

Vickie- O viking

Noite de sábado, 6 Outubro: Fui com a Fátima Castro alimentar a "minha" colónia (tema para mais um post, que não tenho tempo para colocar ) . É uma fábrica abandonada, onde eu os alimento num muro e na qual para se ter acesso ao pátio, já muitas vezes tivemos de subir portões e fazer montanhismo.

Mal me aproximo do muro começo a ouvir um miar desesperado, de gatinho bébé, lá em baixo. Escusado será dizer que lá fomos as duas, munidas de lanterna pindérica, pois nem o candeeiro da rua estava a funcionar. O som parou, vasculhamos as ervas, os buracos e nada :-( De repente a Fátima dá com o bichano no meio do chão de cimento. Um gatinho perfeitamente simbólico, que se aninhou logo ao colo.

Eu sabia qual era a mãe (1 de duas que eu ainda não tinha esterelizado e que tinha visto de maminhas ao dependuro). Pois a mãe...estava regalada a comer no muro e nem para ele olhava. Durante 30 minutos fizemos de tudo para ver se a mãe o vinha buscar, mas mesmo com ele ao pé do nariz dela, a gata nem para ele olhava.

Lá veio pra minha casa, juntar-se aos 4 penduras bufões que já cá tinha e recomeçou a minha saga (acho que este ano não chegou a parar) dos biberons. É um machito preto e branco (como 80% dos gatos da colónia), peludo (nenhum dos adultos de lá o é) e com olhar muito espantado para o mundo. Tinha cerca de 3 semanas.

Andei 1 semana de coração apertadinho, pois muitas vezes, as gatas mães abandonam as crias que têm problemas.






Já passaram 2 semanas. O Vickie é um gatito todo despachado e com um ar girissimo, com focinho achatado, cabeça grande Tem agora 5 semanas, já vai à areia, já brinca...só ainda gosta de biberon.







PS- No dia seguinte fui para lá de dia ver se haveriam mais irmãos, mas não. A mãe do Vickie foi logo nesse dia para esterelizar. Já estava a entrar em cio :-( Não se percebe...com crias de menos de 1 mês e já em cio. Isto anda tudo baralhado

5 comentários:

mafalda disse...

...tão pequenino :)...parece a minha lu qd a fatima rodrigues a apanhou :)...mas realmente o sistema hormonal da bicharada anda todo descontrolado!!! o que dificulta o trabalho!! mas tb estao vinte e tal graus no fim de Outubro, é no que dá!!!...boa sorte ao pequenote..

Sandra disse...

É mesmo engraçado o pequenote, ele sabia mesmo que era a altura certa para pedir ajuda.... Muita, muita sorte.

fabriro disse...

Susana, vai dar banho ao gato :))))

Joana disse...

Olá, penso que estejas a falar da cidade do Porto.. Amito que não tive muito tempo para ler tudo sobre esses miaus lindos mas queria mesmo só confirmar se o Vicky está no Porto? É que eu moro em Faro.. se ele estivesse mais perto acredita que já tinha uma mãezinha para ele.. Espero que ele encontre alguém igual ou melhor que eu pois bebés como ele merecem todo o carinho e miminhos do mundo.. Muito boa sorte e parabens pela força e coragem de fazerem tudo o que podem pelos nossos bebés que andam por aí tristes e perdidos.. Beijinho gd. Joana (joana_coelho@hotmail.com)

fabriro disse...

Joana o gatinho, está no Porto sim, um bocadito longe ;)