O Bichanos do Porto é um projecto de um grupo de amigas com uma paixão comum: gatos. Lidamos constantemente com situações de abandono e maus tratos e não conseguimos ignorar esta triste realidade. Como não somos associação nem temos espaço próprio, os gatinhos que recolhemos são acomodados nas nossas próprias casas. Por isso, tudo o que fazemos é fruto de esforços pessoais, a todos os níveis, bem como da boa vontade de todos aqueles que, de uma forma ou de outra, vão colaborando com esta causa.

20/08/07

Lembrem-se....os gatos não voam :(


Já aconteceu há algum tempo, mas só agora me contaram...

O Misha era irmão de ninhada do Johny da Tânia. Foi apanhado num quintal pela minha irmã, dado para adopção por mim. Tinha pouco mais de dois anos...Vivia num terceiro andar. Há uns dias atrás saltou/caiu de uma janela .....
Serve este post para dizer um adeus especial ao Misha, mas também para alertar/consciencializar as pessoas de que os gatos não voam, os gatos caiem e os gatos morrem.....
Se tem gatos, se mora em apartamentos lembre-se que os gatos são como as crianças, tem que ser protegidos dos perigos. Arranjem sistemas que vos permitam manter os gatos em segurança ou então mantenham as janelas fechadas..
Se por outro lado é dos que acha que as janelas são para manter abertas porque “os gatos não caem” , por favor tome a decisão certa, não adopte......

Adeus Misha :(

Abril 2005
Agosto 2007

21 comentários:

sandra calvar disse...

efectivamente os gatos não voam....
tive um gatinho que caiu de um terceiro andar e fracturou duas patas..:( teve muita sorte porque caiu relativamente bem....mas sei que nem sempre corre bem:((((
Lamento.
Eles são como crianças, às quais se deve ter em atenção todos os objectos, janelas, plantas ( que n podem comer)....fios ....Asseguro que não é complicado..não vá às vezes pensarem que ter gatos é COMPLEXO!!!!!!
Basta usar o raciocinio.

Titta disse...

Pobre Misha :( que lindo que era..Como é possível morrer-se assim?! Eu tenho sp mta preocupação com as fugas do meu menino e não vivo num apartamento, qt mais se vivesse!Descansa em paz lindo Misha..que estejas a brilhar muito junta da minha princesa Titta e de todos os outros peludos que já partiram! Uma festinha grande...

Lili

Adriana disse...

Há pessoas que simplesmente não têm capacidade para adoptar um gato!! Não basta querer, tem que se saber o que se está a fazer. Revoltante esta história. Lamento Misha eras lindo e merecias muito melhor.

Anónimo disse...

Acredito que este post serve para consciencializar as pessoas mas daí a afirmar que as pessoas que o adoptaram não tinham capacidade acho que é absurdo. Concerteza que foi um acidente e os seu donos devem ter sofrido bastante. Já carregam o peso do que aconteceu, não devemos ser nós a julgá-los. Lamento pelo gatito mas também pelos seus donos que concerteza estarão inconsoláveis:( Ângela

fabriro disse...

Eu não afirmei que os donos não tinham capacidade para ter o Misha. foi um acidente, sim, eles tem outra gatinha que está a ser protegida. Foi um acidente e este post tem dois objectivos, tal como lá foi dito. Despedir-me do Misha e alertar as pessoas para o facto dos gatos cairem com muita facilidade, ao contrário do que muitas pessoas pensam. Frequentemente pessoas a quem chamamos a atenção para o perigo das janelas nos dizem que os gatos são espertos e não caiem, muito frequentemente mesmo! Eu conheço os donos do Misha muito bem, sei que sofreram e estão a sofrer muito, isso não implica que a janela não estivesse aberta porque estava calor. Claro que também sei que agora a gatinha deles já não correrá o mesmo risco. Se a morte do Misha serviu para proteger esta que sirva para proteger outros que pertencem a quem tem habito de deixar janelas abertas.....

bixana disse...

Ohhh, coitadinho do Misha... :((

Espero realmente que esta tragédia sirva para alertar as pessoas... mais vale sofrer um pouco com o calor...

Miguel disse...

Há certos descuidos que são imperdoáveis! Que o peso na consciência sirva de lição e que vingue de alguma forma a morte do Misha...
Tenho a minha gata há 10 anos, vivo num 7.º andar, e nunca tive um descuido destes.
Não quero nenhum prémio, pois a companhia da minha gata é o melhor que tenho.
Mas há pessoas que não deviam ter animais, quanto mais filhos.
Todos os dias ouvimos histórias trágicas provocadas por descuidos. Vemos crianças e animais a passearem-se e brincarem sem vigilância alguma, e depois vem a choradeira hipócrita.
Desculpem o tom, mas isto é revoltante.
O Misha merecia melhor sorte e donos mais conscientes.
Para termos o direito à companhia fiel e incomparável de um animal, temos que estar à altura dele.

O Misha não está, agora, em sítio melhor, nem no céu dos gatos. Simplesmente está MORTO! :(

Anónimo disse...

Espero que nunca aconteça a nenhum dos vossos gatos nenhuma tragédia destas, mas de facto este post deu origem a comentários extremistas! Acidentes podem acontecer, o acaso é imprevisível! Ao tornarmo-nos julgadores dos outros, esquecemo-nos muitas vezes que podemos vir a ser julgados também. Não me parece correcto os donos do Misha lerem estes comentários, é muito triste. Erraram, é certo, mas então o que não erra, que atire a primeira pedra...Ângela

Anónimo disse...

Engraçado...quem nunca ficou em pânico, porque tocaram à porta, porque se foi atender uma chamada, porque o gato abriu a janela de correr com a patinha, porque se corre a tentar apanhá-lo e ele ou ela, foge ainda mais depressa...quem? Provavelmente haverá um dia, para mal dos seus animais, essas pessoas "incomparavelmente perfeitas", reconhecerem que também são seres humanos...

fabriro disse...

Volto a repetir que a intenção do post é alertar quem frequentemente nos diz que "os gatos não caiem". Esta frase é dita muitas vezes e infelizmente por muitas pessoas acreditarem nisto é que tantos gatos morrem. Acidentes toda a gente tem .... eu tive um gato, o MEU gato, que morreu atropelado... Errar é ter acidentes e continuar a confiar na sorte......

MR disse...

Fabriro, percebemos perfeitamente que a tua intenção foi alertar os mais descuidados mas há aqui pessoas imaculadas, que provavelmente não necessitam desses conselhos porque nunca se descuidaram na vida! Qual será o segredo de tanta perfeição?

Miguel disse...

Aos anónimos, aos misters e aos hipócritas:

A perfeição não existe!
As pessoas "incomparavelmente perfeitas" não existem!

A busca da perfeição e o extremismo não são as minhas filosofias de vida!

Mas não carrego às minhas costas o peso da irresponsabilidade nem da hipocrisia.

Sofri uma fractura craniana quando tinha 5 anos porque o meu pai se descuidou.

Se o Misha fosse uma criança, também teria sido um descuido? Um erro? Ou seria diferente?

Um erro, um descuido que provoca uma morte...
Um erro, um descuido que provoca o desaparecimento de uma criança...
Querem que continue?

Não devemos atirar a primeira pedra. Pelo contrário: dar os sentimentos, lamentar e encorajar a adopção de mais gatos.

Não admira que o nosso Portugal continue irresponsável e com um número absurdamente alto de animais abandonados e mal tratados.

E lá se vai ouvindo no Parlamento: "A culpa não é nossa, é dos governos anteriores..."

Continuem...A ver pelos comentários a este post, estamos no bom caminho...

Ah! Extremista não! Apenas manifesto a minha opinião democrática.

Neste país ninguém tem culpa de nada... Mas já dizia a minha avó:" A culpa não morre solteira!"

Continuem a viver bem no país da impunidade!

O Misha morreu! Esse sim é o facto que devem comentar e sobre o qual reflectir.

Anónimo disse...

Começo a achar que essa fractura lhe deixou marcas profundas... Tanto rancor ao seu pai faz mal à alma. Já deveria ter ultrapassado para ser livre e feliz. O meu pai nunca me deixaria cair sabe porquê? Porque nunca quis saber de mim. Assim ele é perfeito, pois não correu riscos, os riscos que correria em me criar e brincar comigo. Todos têm direito à sua opinião mas de facto começo a ficar preocupada pois com essa atitude o melhor é não sair de casa. Ou se calhar até é daqueles que não admite as próprias falhas, é perigosa essa atitude. Tem filhos? Parece que não. Sabe, estas pessoas provavelmente adoravam o gato e estarão a esta hora muito tristes, tentaram ser bons donos mas cometeram um erro, que infelizmente saiu caro, lamento pelo gato mas também por eles.
Imagine agora que você tem uma visita em casa, você ausenta-se por um pouco, até para ir à casa de banho e essa pessoa ignorantemente vai à varanda ou abre a janela para fumar um cigarro, por exemplo. Existem tantas situações que em pequenas fracções de tempo nos podem roubar pessoas ou animais que nos são tão queridos. E não é procurando sempre culpados para tudo que o ser humano evolui. É aprendendo com os erros e aperfeiçoando-se. Mas mesmo assim continua a haver outros perigos, pois só quem procura a felicidade e procura fazer feliz os outros verdadeiramente sabe o que isso é...

Miguel disse...

Livre, feliz, casado, com duas gémeas lindas, conhecedor dos meus defeitos e qualidades, amante de passeios no exterior e protegido por um seguro contra todos os riscos... E esta, hein?!
Relembro tema do post. A saber: a morte do Misha por descuido, e como muito bem diz a Adriana, de pessoas que simplesmente não têm capacidade para adoptar um gato.
Não basta parecer psicólogo, é preciso sê-lo...

MR disse...

Oh meu caro amigo Miguel (para mim, se é miguel, mister ou hipocrita, ou outra coisa qualquer, tanto se me dá), aparece aqui, não se sabe de onde, com uma conversa fiada a julgar pessoas que não conhece! Quem lhe deu essa autoridade? Eu sou o tal mister (se leu bem, escrevi MR e se quer que eu traduza, quer dizer Manuel Rodrigues), conheço muito bem as pessoas que adoptaram o Misha, que também conhecía muito bem. Não queira passar pelo mesma angústia que eles passaram. Tenho dito!

Sofia Soarez disse...

A guerra de Troia já acabou senhor mr e senhor anónimo!

A mim parece-me que o senhor Miguel está correcto. É verdade que os descuidos acontecem mas não podem acontecer. É como com as minhas filhas, 100 olhos são poucos. E se um dia um descuido desses me acontecer jamais me perdoarei.

Júnior disse...

Mas o k é isto? O people na guerra de palavras e em ataques pessoais? Que baixaria... Quando me contaram tive k vir ver à net.
Olhem lá, desde o 25 de Abril de 74 (ainda estava eu no... dos franceses) k kada um diz o k ker, desde k n ofenda. Autoridade temos todos pra falar.
Eu só lamento a morte do bicho k n tem kulpa da asneirada alheia.

Benedita Conde disse...

Não me estenderei tanto como alguns dos senhores e senhoras que aqui deixaram os seus comentários. Quero manifestar só a minha solidariedade para com quem trata bem os animais e a minha repulsa para com quem comete erros deste tipo (leia-se mortais).

Adriana e Sara disse...

A nós o que nos parece é que o anónimo ERA o dono do gatinho. Até pode ter sofrido. Mas espero que SE voltar a ter um gatinho que tenha mais cuidado. Como já foi dito há pessoas que não merecem ter um gatinho. Ser for o caso tome consciência e não adote mais nenhum.

patricia disse...

Não consigo perceber o extremismo de certas opiniões que referem que um dono que tem um descuido não é um bom dono! Eu própria tenho gatos, adoro-os, mas infelizmente não sou perfeita! Tenho tido a sorte de nunca ter um azar com os meus bichanos (e olhem que já não são novos), mas já tive alguns sustos que podiam ter tido um final infeliz. E é por isso que sou uma dona irresponsável e que não devia ter gatos?!!! Não me venham com essa conversa de que "comigo isso não acontece", olhem que quem cospe para o alto, costuma ter surpresas...
Tenho muita pena do Misha, que se foi, e deixo aqui uma palavra de conforto aos donos, que infelizmente erraram, porque são humanos, mas isso não significa, de todo, que sejam maus donos!
Pelo menos é esta a minha opinião.
Patríciacarla Silva

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,